Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Você está aqui: Entrada / Lei Geral do Trabalho / Procurando Trabalho / Trabalhadores de igreja já podem envelhecer em segurança.
 

Trabalhadores de igreja já podem envelhecer em segurança.

Trabalhadores de igreja já podem envelhecer em segurança

Participe na Pesquisa Salarial e ganhar um Salário

Complete a Pesquisa!

 

Durante muitos tempo, trabalhar na igreja teve caracter voluntário e por isso, quem prestava serviço religioso não se preocupava com suas obrigações e benefícios sociais. Esta situação vai mudar.

Dentro em breve, pastores, obreiros, ministros e outros que prestação serviços religiosos e recebem por isso, vão poder descontar para o INSS.

Segundo o director do Instituto Nacional de Segurança Social, Sebastião Mixinge, a sua organização tem trabalhado no sentido de através, de uma legislação, integrar paulatinamente as igrejas reconhecidas pelo Governo na folha de pensões.

“Sabemos que as igrejas têm vindo a realizar trabalhos de grande envergadura para o país, isto antes e depois da guerra que assolou a nação”, disse o responsável.

O responsável do INSS, falava durante encontro com deputados que juntos levaram à liderança do INSS reclamações de pensionistas.

Segundo o director do Instituto Nacional de Segurança Social, Sebastião Mixinge, grande parte das reclamações são dos pensionistas que se encontram com alguma irregularidade ou não cumpriram com alguma regulamentação.

O INSS tem a missão de dar protecção social aos trabalhadores angolanos e às suas famílias, mas para garantir essa protecção social é preciso que os trabalhadores estejam inscritos na instituição e paguem as suas contribuições.

Das pensões existentes, o instituto tem a da reforma na velhice, reforma antecipada, sobrevivência e o abono de velhice. Constam ainda subsídios referentes à maternidade, aleitamento, morte, funeral e o abono de família.

Share |

Participe na Pesquisa Salarial e ganhar um Salário